Capeia Arraiana


A Capeia Arraiana é uma manifestação tauromáquica específica de algumas povoações do concelho do Sabugal próximas da fronteira com Espanha, que se caracteriza e singulariza das demais formas populares de manifestações tauromáquicas, pelo facto de a lide do touro bravo ser efetuada coletivamente, com o recurso do Forcão.

A Capeia é realizada em agosto, em associação com a festa patronal de cada comunidade, e, regra geral, tem lugar no largo principal da aldeia, para tal temporariamente vedado. Para além da Capeia propriamente dita, isto é a lide do touro com o Forcão, constituem componentes públicas da prática o Encerro e o Boi da prova, que precedem a Capeia, e o Desencerro, com o qual ela termina.Podem saber mais sobre as capeias aqui.

Depois de termos desenhado a capa do livro "Lageosa da Raia e as suas capeias", o autor, José Mauel Sanches, convidou-nos para esta festa raiana com características únicas, considerada partimónio etnográfico.

O primeiro desenho (acima) foi feito na manhã da festa, quando se vão buscar os touros. Tradicionalmente, dá-se uma merenda aos cavaleiros antes da chegada à aldeia. Entretanto, surgiu uma situação de perigo, porque os touros se tresmalharam, e o desenho foi feito em várias fases, mais ou menos seguras. Felizmente, conseguiram apanhar os animais e levá-los para a Lageosa, sem grandes problemas. 


 Durante as fases seguintes, ainda de manhã (Encerro e Boi da Prova), não nos foi possível encontrar lugar, e o público continuava a aumentar, vindo dos dois lados da fronteira. As pessoas empoleiravam-se de forma incrivelmente assustadora nas frágeis estruturas das bancadas (algumas improvisadas com andaimes).


À tarde, chegámos cedo para ter um bom panorama da Praça. As pessoas começavam a juntar-se.


Depois de uma hora de espera, os mordomos da festa entraram na arena, para fazer o Pedido da Praça e dar início ao espectáculo. O grupo que ia fazer a primeira pega juntou-se e trouxe o Forcão para o centro, à espera do primeiro touro. 
O Forcão teve que ser reparado depois da primeira pega, sendo para isso colocado na vertical.  Seguiram-se cinco touros (com uma bezerra de intervalo para os iniciados).

Comentários

Mensagens populares